Estive em Canela no mês de agosto deste ano em parceria com a Prefeitura da cidade e da Passagens Promo, para conhecer ou voltar à alguns dos tantos pontos turísticos da cidade e sua vizinha Gramado.

Castelinho Caracol - museu e o melhor apfelstrudel de Canela

E um dos lugares que eu não conhecia, mas precisava ir era o Castelinho do Caracol.

Um pouco de história

O Castelinho do Caracol é uma das primeiras residências de Canela, construído entre 1913 e 1915, pelo casal Pedro Carlos Franzen e Luiza Sommer Franzen.

Castelinho Caracol - museu e o melhor apfelstrudel de Canela

Ela, filha de alemão e ele com avós e bisavós do mesmo país, saíram de suas cidades natal e foram para o Caracol em 1910, aonde moraram até falecerem.

Castelinho Caracol - museu e o melhor apfelstrudel de Canela

O casal teve 6 filhos e a casa, onde hoje é o museu e casa de chá, foi habitada até 1980, pela filha mais velha, Irene.

O Castelinho do Caracol foi aberto em 1985, retratando a vida e os costumes da família de origem alemã.

Vamos lá?

Planeje sua viagem!!!! Faça sua reserva no Booking.com

Os espaços

Sala de jantar: lugar onde a família Franzen fazia suas refeições. Todos os móveis e louças são originais.

Castelinho Caracol - museu e o melhor apfelstrudel de Canela

Algo que me deixou bem impressionada, foram as fotos da família nas paredes. Todas com identificação!!!!

Castelinho Caracol - museu e o melhor apfelstrudel de Canela

Sala de música e escritório: os filhos sempre foram incentivados à aprendizagem de diversos instrumentos musicais. Irene tocava cítara; Anita, piano e violino; Cora e Ivone, piano e gaita.

Castelinho Caracol - museu e o melhor apfelstrudel de Canela

Quarto do casal: quarto com mobília do século XX.

Castelinho Caracol - museu e o melhor apfelstrudel de Canela

Destaque para a bolsa de água quente em cobre que era utilizada para esquentar a coberta em dias frios.

Quarto de banho: conta com uma banheira esmaltada, original, que era abastecida com água quente, através da serpentina do fogão à lenha, instalado na cozinha.

Castelinho Caracol - museu e o melhor apfelstrudel de Canela

Importante destacar que este sistema ainda é utilizado no Castelinho.

Sala de chá: este cômodo era mais um quarto da casa. Foi adaptado para a sala de chá, onde é servido o mais famoso apfelstrudel de Canela e região.

Infelizmente nós tínhamos acabado de almoçar e não conseguimos comê-lo. Mas voltarei com certeza!!!!!

Além desta delícia, eles ainda vendem biscoitos, doces, waffel e várias outras tentações.

Cozinha: o fogão à lenha esmaltado é da época e importado da Alemanha.

O piso também é original e previne que a madeira do piso queime quando, eventualmente, as brasas caem no chão.

No segundo andar, o Castelinho conta com:

Quarto de visitas: antigamente, os deslocamentos de um local ou região para outro, eram feitos à cavalo, por estradas de chão batido e demoravam muito. Por isso, era frequente que as visitas pernoitassem no Castelinho.

Castelinho Caracol - museu e o melhor apfelstrudel de Canela

Quarto de utensílios: socavão é o verdadeiro nome deste espaço, que tem no caimento do alto telhado, um aproveitamento para guardar e armazenar objetos e utensílios de uso da família.

Torre: possui uma vista de 180 graus e era uma área de convivência e contemplação da família.

Castelinho Caracol - museu e o melhor apfelstrudel de Canela

Por pegar muito sol, era também onde secavam as penas de ganso que se transformavam em cobertas e travesseiros.

O segundo andar ainda conta com mais dois quartos de utensílios e um quarto de dormir.

Sala de costura: nesta sala era onde as mulheres costuravam e cuidavam das roupas da família.

Castelinho Caracol - museu e o melhor apfelstrudel de Canela

Quarto de brinquedos:local de entretenimento e brincadeiras das crianças da família.

Castelinho Caracol - museu e o melhor apfelstrudel de Canela

Ao lado de fora, você pode contemplar os jardins ou a ponte na parte de trás da casa.

Castelinho Caracol - museu e o melhor apfelstrudel de Canela

Ou seja, ir ao Castelinho do Caracol é uma volta ao tempo que queremos ter.

Ingressos

São adquiridos no local e custam R$10,00

Crianças até 10 anos, acompanhadas dos pais, não pagam.

Adultos, acima de 60 anos, pagam 50% do valor.

Onde fica

RS 466, Parque dos Pinheiros, s/n – Km 3 – Canela

Castelinho Caracol - museu e o melhor apfelstrudel de Canela

Como chegar

Você pode ir de carro ou com o Bustour da Brocker Turismo.

Castelinho Caracol - museu e o melhor apfelstrudel de Canela

Fica na parada de número e foi desta maneira que chegamos e saímos de lá.

Horário de funcionamento

Todos os dias de 09 às 13h e das 14:20 às 17:30h.

Castelinho Caracol - museu e o melhor apfelstrudel de Canela

Este foi mais um passeio que fizemos durante a presstrip à Canela e tive como companheiras de viagem a Olivia Souza Cruz do blog Olivia Garimpando por aí, Regina Oki do blog Turista Fulltime, Julia Sampaio do blog Fora da Toca, Denise Barreto do blog Chicas Lokas e Ana Morize do blog Viagens Bacanas.

Gostou da dica? Compartilhe!!!

Até a próxima!!!

Faça suas reservas aqui pelo blog

Cada vez que você reserva algo por algum link aqui do blog, recebemos uma pequena comissão que nos ajuda continuar a atualizar o conteúdo. E você, leitor, não paga nada a mais por isso! Então reserva, vai? 🙂

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here