COMPARTILHE

Então você resolveu ir para o Deserto do Atacama e descobriu que ficará hospedado em San Pedro. E aí vem a pergunta: o que tem para fazer por lá?

San Pedro do Atacama tem apenas 3.000 habitantes e a água que abastece a cidade vem de um sistema de irrigação de lagos. Todas as casas tem apenas um andar e são feitas de barro e palha. Uma típica cidade pequena no meio do deserto!

Como toda cidade pequena que se preze, a vida gira em torno da praça. E foi lá que visitamos a Igreja San Pedro, construída em 1774 pelos colonizadores espanhóis.

Não pode ficar desconectado durante a viagem? Compre o chip internacional da Easysim4u

Tem também o Mercado da Praça aonde compramos bala de coca (muito sugerida para a dificuldade em se aclimatar com a altitude) e várias famílias inteiras vendendo peças feitas por eles mesmos.

A rua principal (Caracoles) é repleta de lojas, restaurantes e agências de turismo (dezenas delas). Muitas pessoas vão para San Pedro sem saber em qual agência farão seus passeios. Eu já havia escolhido a Ayllu muito antes de viajar então passava direto delas. 😉

Mas das lojinhas eu não passava não..hahahaha

Uma maneira de se deslocar pela cidade, são as bicicletas alugadas por ali. Tem gente que vai pra longe de bicicleta mas até os guias das agências não indicam, porque dizem que os pneus furam com muita freqüência. Fica a dica!

Outra coisa que me chamou a atenção, foi a quantidade imensa de cachorros pelas ruas. São muitos e fiquei me perguntando de onde aparecem tantos!!!! 🤔

Ahhhh, não deixe de tomar um sorvete nas sorveterias locais. Tem vários sabores que você só encontra por lá, como o de Rica Rica que eu tomei!!!!

*Dica master!!! Quer ver uma lhama de perto??? Pertinho do nosso hotel, o Hard Road Atacama tem o Hostel Ckoi Atacama, que tem lhamas e você pode entrar e pedir para vê-las. Eles são muito receptivos e elas também. Ganhei até um beijinho! Ownnnn

Não viaje sem seguro!!!! Contrate agora mesmo na Mondial Allianz

Dicas importantes

Fique em um hotel que seja perto do burburinho, ou seja, perto da Rua Caracoles. Se quiser uma super dica de hotel, dê uma olhada no post Onde ficar no Atacama – dica de hospedagem

Como já deve ter lido em vários lugares, o deserto é extremamente seco, então não esqueça de protetor solar e labial, colírio, soro para o nariz e de beber muita, muita água! Indico a Benedictino que foi a mais próxima que encontramos do gosto da nossa.

Nos dias em que for para passeios de muita altitude, sugere-se não comer carne vermelha, bebidas alcoólicas e é bom que durma cedo.

Leve roupas de frio (inclusive térmicas) e de calor, porque com certeza, você pegará no mesmo dia, temperaturas altíssimas e baixíssimas!

Tirei apenas uma manhã para dar uma olhada em tudo! Acreditem, vai dar! Nos outros dias, eu ía ao que tinha me interessado e olhava com mais calma.

Melhor época para ir para o Atacama

Fui em outubro e foi maravilhoso!!! Em minhas pesquisas, li que deve-se evitar os meses de junho a agosto (inverno) por conta das variáveis de temperatura. Mas nada que você não possa resolver com muita ou pouca roupa…hahahahahah

Como chegar

Para chegar a San Pedro, saindo do Brasil, pega-se um avião para Santiago e outro para Calama, com duração de 1h30m.

Do aeroporto, pegamos um transfer (indicado pelo hotel) e levamos mais 1h30m para chegar a San Pedro.

Praça de San Pedro

Quer saber mais? Não deixe de ler sobre os passeios que podem ser feitos no Atacama!

Valle de la Luna e Valle de la Muerte

Geyser el Tatio

Lagunas Escondidas de Baltinache

Tour do Vinho e Laguna Chaxa

Lagunas Altiplânicas e Piedras Rojas

Termas de Puritama

Espero ter te ajudado a responder algumas dúvidas! Se precisar, deixe um comentário que eu respondo!!!

Até a próxima!!!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor coloque seu nome aqui